14 05 2021 policia pinda motorista matou romeiroUm motorista que matou um romeiro atropelado na Dutra em 2019 foi condenado a pagar mais de R$ 300 mil em indenização à família da vítima.

O motorista estava embriagado e chegou a fugir sem prestar socorro à vítima, mas foi encontrado após a polícia encontrar a placa do carro no local.

A Justiça foi acionada pelos dois filhos do policial. Em setembro de 2020, a Vara de Pindamonhangaba decretou o pagamento de R$ 313 mil em indenização por danos morais, mas o motorista recorreu da decisão.

Na quarta (12/05), o Tribunal de Justiça manteve a sentença e estipulou pagamento de R$ 156.750,00, equivalentes a 150 salários mínimos vigentes na data da sentença, para cada um dos filhos.

A reportagem procurou a defesa do motorista, mas aguardava o retorno até a publicação.

Atropelamento

A vítima, um policial militar do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), fazia uma romaria com outros dois colegas de Guarulhos para Aparecida. No terceiro dia de caminhada às margens da Dutra, em Pindamonhangaba, os três foram atropelados por um motorista de 26 anos.

No acidente, o jovem invadiu o acostamento e atingiu as vítimas. O policial ficou preso no para-brisa do veículo e foi arrastado. De acordo com a polícia, o motorista ainda desceu do carro, retirou o homem e fugiu sem prestar socorro às vítimas.

No local, a polícia encontrou a placa do veículo e identificou o autor. No carro dele foi apreendida uma garrafa de bebida alcoólica e o teste do bafômetro constatou que ele estava alcoolizado. O jovem chegou a ser preso, mas pagou fiança e respondia ao processo em liberdade.


 

20 06 2021 regiao crz numero corona20 06 2021 regiao crz corona faixa etaria

villa tita

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01