27 12 2018 japao baleiasO secretário-geral do Gabinete do governo do Japão, Yoshihide Suga, informou nesta quarta-feira que o país vai se retirar da Comissão Internacional da Baleia - cuja sigla em inglês é IWC. Segundo ele, o Japão pretende retomar a caça comercial a partir de julho de 2019, seguindo os métodos da IWC para calcular as cotas para determinar o número de baleias capturadas.

Yoshihide Suga afirmou que o Japão procura meios de promover a caça de baleias de maneira sustentável por mais de 30 anos, mas sem sucesso nas negociações com os países contrários à medida. Segundo ele, o Japão caçará baleias apenas em suas águas territoriais e zonas econômicas exclusivas, sem avanços para o Oceano Antártico nem Hemisfério Sul. A retirada do Japão da IWC entra em vigor em 30 de junho se notificar o governo dos EUA até 1º de janeiro. Os Estados Unidos estão encarregados de aceitar pedidos de adesão ou retirada..

Reação

O governo da Austrália lamentou a decisão do Japão Em comunicado conjunto, as ministras Marise Payne (Relações Exteriores) e Melissa Price (Meio Ambiente) disseram que o governo australiano está "extremamente desapontado" com o anúncio. No Brasil, o ministro do Meio Ambiente, Edson Duarte, chamou nesta quinta de "grande retrocesso no cenário global" a decisão anunciada pelo governo do Japão e que tal iniciativa " ignora a posição majoritária dos países".


08 04 2021 regiao crz numero corona08 04 2021 regiao crz corona faixa etaria

villa tita

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01