08 08 2020 mundo trump decretosO presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, foi retirado às pressas da sala de imprensa da Casa Branca por um agente do Serviço Secreto americano, logo depois de iniciar a entrevista coletiva agendada para a tarde de segunda-feira, 10/08. Cerca de dez minutos depois, Trump voltou à sala e avisou que houve um tiroteio do lado de fora da Casa Branca que já estava "sob controle".

Trump disse não ter detalhes sobre o ocorrido. Segundo ele, um suspeito foi alvejado pelas forças de segurança que protegem a residência presidencial americana. "O mundo sempre foi um lugar perigoso. Você olha para os séculos passados, o mundo sempre foi perigoso", disse Trump.

"Gostaria de agradecer ao Serviço Secreto por fazer seu trabalho sempre rápido e muito eficaz, mas houve um tiroteio de verdade e alguém foi levado para o hospital. Não sei em que estado está a pessoa. Parece que ela foi baleada pelo Serviço Secreto, então veremos o que acontece", disse Trump, explicando que a situação já estava sob controle.

Um oficial sênior da administração confirmou a Dana Bash, da TV CNN, que havia um atirador ativo no local, mas ele já estava sob custódia. O incidente aconteceu fora dos jardins da Casa Branca, perto do Parque Lafayette.

O presidente republicano disse a repórteres que foi levado ao Salão Oval, do lado de fora da sala de entrevistas, após ser escoltado, negando que tenha sido levado a um bunker.

Ele foi retirado da sala sem nenhuma explicação aos presentes. O secretário do Tesouro, Steve Mnuchin, e o diretor do Escritório de Administração e Orçamento, Russ Vought, também foram retirados da sala e as portas foram trancadas.

Com informações de agências internacionais


18 09 2020 regiao crz numero corona

18 09 2020 regiao crz corona faixa etaria

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01