09 12 2019 esportes fortaleza ganha bahiaO Fortaleza se despediu do Campeonato Brasileiro com vitória. A equipe cearense bateu o Bahia por 2 a 1, neste domingo (08/12), em partida realizada na Arena Castelão lotada, em Fortaleza, válida pela 38.ª e última rodada. No final do jogo, a torcida do clube cearense fez um mosaico para pedir a permanência do técnico Rogério Ceni em 2020.

O público de 52.552 pessoas foi recorde. É o maior da competição na Arena Castelão, ultrapassando a partida entre Ceará x Santos, que contou com 49.809 torcedores.

Tanto Fortaleza como o Bahia terminam o Brasileirão classificados para a Copa Sul-Americana de 2020. Invicto há sete jogos, o clube cearense termina na nona posição com 53 pontos - com 15 vitórias, oito empates e 15 derrotas. O baiano encerra na 12.ª colocação com 49 - foram 12 vitórias, 13 empates e 13 derrotas.

Desde o começo do jogo, os times buscaram o ataque. Quem criou a primeira chance foi o Fortaleza com Osvaldo, aos oito minutos. Ele bateu de fora da área e o goleiro Douglas defendeu sem susto. Quatro minutos depois, o próprio Osvaldo abriu o marcador. Gabriel Dias cruzou pela direita e o atacante, sozinho, fez de cabeça. A bola ainda bateu na trave antes de entrar.

Aos 24 minutos, o Fortaleza quase ampliou com Bruno Melo, que pecou na hora da conclusão. O Bahia teve grande chance de empatar aos 30. Gilberto recebeu passe, avançou sozinho até a entrada da área cearense, mas parou na excelente defesa de Felipe Alves. Aos 32, os baianos conseguiram o empate com Artur. Ele cobrou falta, a bola desviou na barreira e enganou o goleiro.

Na etapa final, o Bahia esteve melhor nos primeiros 20 minutos. Logo aos quatro, Élber aproveitou bate e rebate na área e bateu rasteiro; Felipe Alves defendeu. Aos 11, Artur, de falta, quase virou para os baianos.

Na primeira chance do time da casa, Kieza chutou em cima do goleiro do Bahia, que evitou o gol com a perna. Aos 21 minutos, Kieza cruzou, Wellington Paulista escorregou e a bola sobrou livre para Osvaldo, que desperdiçou chance clara.

Os times seguiam procurando o ataque, mas esbarravam na hora do último passe. Aos 32 minutos, o Fortaleza marcou o gol da vitória. Gabriel Dias cruzou para trás e Tinga marcou. Festa na Arena Castelão.

FICHA TÉCNICA

FORTALEZA 2 x 1 BAHIA

FORTALEZA - Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Bruno Melo e Carlinhos; Felipe, Araruna e Edinho (Tinga); Romarinho (Kieza), Wellington Paulista e Oswaldo (Matheus Alessandro). Técnico: Rogério Ceni.

BAHIA - Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Wanderson, Juninho e Moisés; Gregore, Ronaldo (Fernandão) e João Pedro (Lucca); Artur (Shaylon), Gilberto e Élber. Técnico: Roger Machado.

GOLS - Osvaldo, aos 12, e Artur, aos 32 minutos do primeiro tempo; Tinga, aos 32 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Carlinhos e Gabriel Dias (Fortaleza); Shaylon (Bahia).

ÁRBITRO - Wagner do Nascimento Magalhães (Fifa/RJ).

RENDA - R$ 875.696,00.

PÚBLICO - 52.552 pagantes.

LOCAL - Arena Castelão, em Fortaleza (CE).


06 03 2021 regiao crz numero corona06 03 2021 regiao crz corona faixa etaria

villa tita

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01