06 12 2019 esportes palmeiras goleia goiasCom dois do garoto Gabriel Verón, de 17 anos, o Palmeiras goleou o Goiás por 5 a 1, na quinta-feira (05/12), no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP), e encerrou o jejum de cinco jogos sem vitória no Campeonato Brasileiro. Foram os primeiros gols do jovem promissor jogador no profissional. Curiosamente, ele se tornou o segundo atleta mais jovem a marcar no time principal alviverde.

Fica atrás apenas de Juliano, que aos 16 anos, em 1998, marcou uma vez na vitória por 5 a 0 sobre o Nacional-URU.

A partida também marcou a despedida do zagueiro Edu Dracena dos gramados. Ele teve o nome gritado pelos torcedores e foi homenageado pelos jogadores ao término da partida. Sem grandes pretensões no Brasileirão, a vitória ao menos manteve o Palmeiras na briga pelo vice-campeonato. A equipe foi a 71 pontos e se igualou ao Santos, que está em segundo lugar por ter uma vitória a mais (21 a 20).

O Palmeiras se despede da competição contra o desesperado Cruzeiro, neste domingo, no Mineirão. Com a derrota, o Goiás deu adeus ao sonho de ir à Copa Libertadores - tem 49 pontos e está em 11.º lugar -, garantindo o Internacional nas fases preliminares da competição.

Já de olho na próxima temporada, com acerto encaminhado com o técnico argentino Jorge Sampaoli, o Palmeiras jogou sem pressão, comandado de maneira interina por Andrey Lopes. O Goiás assustou no início e mandou a bola para as redes com Rafinha, aos 11 minutos. Mas o árbitro carioca Bruno Arleu de Araújo marcou falta de Rafael Moura em Weverton no início do lance e anulou o gol.

O Palmeiras acordou e abriu o placar de fato aos 21 minutos. Lucas Lima lançou para Zé Rafael tocar na saída do goleiro. O Goiás respondeu e empatou logo em seguida após Diogo Barbosa derrubar Barcia na área. Rafael Moura cobrou o pênalti e fez. A partida seguiu aberta e a zaga do Goiás estava completamente desorganizada. Dudu tabelou com Zé Rafael e deixou novamente os anfitriões em vantagem.

No segundo tempo, Gabriel Verón ganhou mais uma chance na equipe principal e foi bem. Aos 24 minutos, ele tocou para Lucas Lima e correu para área, onde aproveitou cruzamento rasteiro e mandou para as redes.

O garoto estava à vontade em campo e fez bela jogada no quarto gol. Ele avançou pela esquerda, deixou o marcador para trás e deu para Dudu fazer o quarto na partida. Ele ainda teve tempo de fazer o quinto ao receber passe de Dudu.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 5 x 1 GOIÁS

PALMEIRAS - Weverton; Marcos Rocha, Luan, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Matheus Fernandes, Bruno Henrique, Lucas Lima (Ramires) e Raphael Veiga (Jean); Dudu e Zé Rafael (Gabriel Verón). Técnico: Andrey Lopes (interino).

GOIÁS - Tadeu; Yago Rocha (Thalles), Fábio Sanches, Rafael Vaz e Jefferson; Gilberto, Léo Sena e Yago Felipe; Leandro Barcia, Rafael Moura (Vinícius) e Rafinha (Kaio). Técnico: Ney Franco.

GOLS - Zé Rafael, aos 21, Rafael Moura (pênalti), aos 26, e Dudu, aos 33 minutos do primeiro tempo; Gabriel Verón, aos 24 e aos 44, e Dudu, aos 36 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Edu Dracena, Diogo Barbosa e Raphael Veiga (Palmeiras); Rafinha (Goiás).

ÁRBITRO - Bruno Arleu de Araujo (RJ).

RENDA - R$ 221.287,50.

PÚBLICO - 6.779 pagantes.

LOCAL - Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).


25 02 2021 regiao crz vacinometro25 02 2021 regiao crz numero corona25 02 2021 regiao crz corona faixa etaria

villa tita

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01