08 01 2021 esportes arana pressao atletico mgSem jogar desde o dia 26 de dezembro, quando derrotou o Coritiba por 2 a 0, o Atlético-MG começa a entrar no ritmo de uma rotina normal de olho nos seus compromissos no Campeonato Brasileiro.

Além da preparação para a retomada dos jogos após longo período longe dos gramados, a equipe também anunciou Rodrigo Caetano como novo diretor de futebol.

O lateral-esquerdo Guilherme Arana concedeu entrevista coletiva na quinta-feira (07/01) em que falou sobre diversos assuntos. Dentre eles, a chegada do novo dirigente. O jogador exaltou o reforço na diretoria e analisou que Caetano é um importante nome no setor em que atua.

"É um nome muito forte no mercado", avaliou Arana. "Perguntei para o Réver, que já trabalhou e falou muito bem dele. Não o conheço pessoalmente, porém desejo toda a sorte. Que ele possa fazer um excelente trabalho e nos ajudar aqui dentro do Atlético. Não muda em nada, nosso pensamento é o mesmo. Em busca do título, esse é o pensamento do grupo. Ele chegou para somar e nos ajudar", completou o lateral-esquerdo.

Arana também foi bastante questionado sobre o Brasileirão. O Atlético-MG entrará em campo apenas na segunda-feira contra o Red Bull Bragantino, fora de casa, pela 29.ª rodada, já que seu confronto com o Santos, pela 28.ª, teve de ser adiado devido ao compromisso do clube paulista pela Copa Libertadores. Assim sendo, a partida contra o rival da Vila Belmiro será realizada apenas dia 27 deste mês.

Com isso, o time mineiro jogará já sabendo dos resultados desta rodada dos seus adversários do G-6, o que pode ser visto como uma vantagem ou como forma de pressão. Destaque para as derrotas do São Paulo (líder com 56 pontos), para o Red Bull Bragantino, e do Flamengo (empatado com o time mineiro com 49), para o Fluminense.

Arana reconheceu que, no Brasileirão, é bem comum que equipes da parte debaixo da tabela de classificação roubem pontos dos que brigam no pelotão de cima. Porém, segundo ele, o Atlético-MG pensa jogo a jogo e depende apenas de si para aproveitar as oportunidades, como foi com as derrotas de Flamengo e São Paulo na quarta-feira.

"As equipes que estão à frente tropeçaram, isso é muito bom. Porém, temos de fazer por merecer e manter o foco no nosso trabalho e esquecer o restante", analisou o lateral-esquerdo. "Não adianta nada as equipes tropeçarem e a gente perder pontos. Estamos trabalhando a cada jogo para conseguir vitórias e estar brigando lá em cima até o final do campeonato".


24 01 2021 regiao crz numero corona24 01 2021 regiao crz corona faixa etaria

villa tita

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01