22 03 2019 regiao mapa florestalA Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente vai fazer um novo levantamento da quantidade de vegetação nativa existente no Estado de São Paulo.

O mapa começou a ser feito nesta quinta-feira (21) --Dia Internacional das Florestas-- e tem como prazo para ser concluído março de 2020.

Até lá, segundo o Instituto Florestal, o estudo apresentará balanços trimestrais com os dados levantados para o documento, chamado de Inventário Florestal da Vegetação Nativa do Estado de São Paulo.

No último mapeamento realizado em 2010, foi apontado que 17,5% do território paulista é coberto por vegetação nativa.

Especializada em soluções de geotecnologia e sistemas de informação geográfica, a empresa Geoambiente, de São José dos Campos, será a responsável pelo novo estudo que custará R$1,4 milhão. O valor será viabilizado com recursos da Câmara de Compensação Ambiental do Estado de São Paulo.

"O Inventário é base para o fortalecimento e planejamento de ações sustentáveis do Governo que garanta ao povo paulista mais qualidade de vida", disse Marcos Penido, secretário estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente.

Ações

O novo mapeamento servirá de base para todas as ações da SIMA de licenciamento, fiscalização, conservação e pesquisa ambiental.

Segundo o governo, os primeiros resultados serão das regiões do Vale do Paraíba, Litoral Norte, Baixada Santista e Região Metropolitana de São Paulo.

O documento apresentará, de acordo com sua importância biológica, os fragmentos de mata para a criação de Unidades de Conservação Integral de áreas prioritárias para a implantação de Reserva Legal ou Reserva Particular de Patrimônio Natural e para restauração --corredores ecológicos--, interligando fragmentos.


17 06 2021 regiao crz numero corona17 06 2021 regiao crz corona faixa etaria

villa tita

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01