coronavirus 56 1200 628pxSão José dos Campos pretende iniciar a vacinação contra a Covid-19 na data definida pelo Ministério da Saúde: quarta-feira, 20 de janeiro.

De acordo com o prefeito Felício Ramuth (PSDB), a vacina será aplicada em todas as unidades básicas de saúde (UBS) do município e, neste primeiro momento, é destinada apenas para o público-alvo da primeira fase do plano de imunização.

Nesta primeira fase, receberão a vacina os profissionais de saúde que estão na linha de frente, os idosos que vivem em asilos e a comunidade indígena. O chefe do executivo, entretanto, destaca que esses idosos não precisarão se deslocar à UBS. A equipe de saúde da prefeitura vai aos locais para aplicar a vacina.

"A UBS será mais para vacinar os profissionais de saúde. Vamos chamar também os hospitais privados para que eles vacinem os seus profissionais no próprio hospital. Vamos fazer uma parceria. Mas é lógico que terá toda uma inteligência e um controle nosso em cima dessa vacinação", afirmou Felício em entrevista.

Número de doses e seringas

Felício Ramuth foi um dos 130 prefeitos que participaram de uma reunião na quinta-feira (14/01) com o ministro da saúde, Eduardo Pazuello, para discutir a logística da vacinação. Pazuello informou que o Governo Federal adquiriu oito milhões de doses, sendo seis milhões da Coronavac, produzida em parceria com o Instituto Butantan, e dois milhões da vacina da Oxford-Astrazeneca, que tem parceria com a Fiocruz.

As duas vacinas já entraram com pedido na Anvisa para o registro de uso emergencial e a expectativa do Ministério da Saúde é que se tenha uma resposta neste domingo (17/01). Caso as vacinas sejam liberadas pela Anvisa nessa data, a logística seria da seguinte forma:

Segunda-feira, 18: as doses chegam aos estados

Terça-feira, 19: os estados encaminham as doses para os municípios

Quarta-feira, 20: os municípios começam a vacinação às 10h

De acordo com Felício, o Ministério da Saúde informou que o lote de cada estado será composto por 75% de doses da Coronavac e 25% da Oxford-Astrazeneca. O prefeito de São José dos Campos, entretanto, diz que não foi informado se cada cidade também receberá 75% da Coronavac e 25% da Oxford-Astrazeneca.

Felício Ramuth diz que não foi informado quantas doses São José dos Campos receberá. Ele estima que seja em torno de 60 mil doses, mas esse não é um número oficial. Caso cheguem 60 mil doses, serão vacinadas 30 mil pessoas, já que cada pessoa vai receber duas doses. Uma agora no dia 20 e a segunda depois de 21 dias.

"Já temos aqui 700 mil seringas e agulhas. Essa primeira fase de vacinação é menor. Aguardamos que o estado nos envie as doses na terça-feira para dar início à vacinação na quarta-feira, dia 20", afirmou Felício.

Ajuda a cidades vizinhas

O prefeito de São José dos Campos informou que a logística de transporte das vacinas será feita pelo Governo de São Paulo. Na reunião desta quinta-feira, Felício Ramuth diz ter oferecido ao Estado as câmaras frias que existem na cidade para armazenar as doses que chegarem para as demais cidades da região.

"Nós vacinamos todos os idosos contra a gripe, a Influenza, durante a pandemia. O Brasil já está acostumado com vacinação. Então, acredito que dará tudo certo nesta vacinação da Covid-19 também", afirmou Felício.


28 02 2021 regiao crz numero corona28 02 2021 regiao crz corona faixa etaria

villa tita

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01