col victor franqueira 05 07 2021 fla fluOs últimos jogos do Flamengo tem sido aquele roteiro que não muda. O time faz um primeiro tempo avassalador, mas cai de rendimento na segunda etapa, contra o Fluminense foi exatamente a mesma coisa.

O Rubro-Negro impôs bom volume ofensivo sobre o Tricolor Carioca, que não conseguia sair para o contra-ataque, apesar de a defesa adversária dar espaços, e quando conseguia era os seus desafogos que tinham que criar as jogadas sozinhos e sem aproximação.

No primeiro tempo, acima de tudo o Flamengo também teve o controle total do meio-campo com a dupla William Arão e João Gomes, bloqueando as transições do Fluminense, achando bons passes, e pisando na área.

No segundo tempo, o óbvio aconteceu. O Flamengo ainda levava perigo, mas perdeu o ritmo e o controle do meio de campo com a saída do João Gomes. O técnico Roger Machado soltou o time do Fluminense, fez boas substituições e o Tricolor das Laranjeiras acelerava as jogadas, fazendo bastante transições ofensivas, se aproveitando dos velhos defeitos do Flamengo, e o gol saiu no final da partida.

Temos que destacar que as principais peças individuais do Flamengo estavam bem abaixo, o Bruno Henrique por exemplo, errou tudo que tentou, e ainda perdeu uma chance clara no primeiro tempo.

A principal dúvida que fica na cabeça do torcedor rubro-negro, é porque o Flamengo cai drasticamente de rendimento no segundo tempo. Particularmente não acho que seja por questão física, nem por conta de desfalques.

Vitória importantíssima para o Fluminense, que precisava voltar a vencer, e vence logo um clássico, importante para dar moral para o time, até porque a Libertadores está voltando na fase mata-mata.

 


20 07 2021 regiao crz corona faixa etaria20 07 2021 regiao crz numero corona20 07 2021 regiao crz vacinometro

villa tita

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01