bn camara 05 2020

16 12 2019 policia s sebastiao deck cedeu 01O deck que cedeu e provocou a morte de uma grávida em uma queda de dez metros estava deteriorado pela maresia. O caso ocorreu no sábado (14/12) em um apartamento de veraneio, localizado dentro de um condomínio em São Sebastião, no litoral norte de São Paulo.

O acidente aconteceu neste sábado (14/12) na Costa Sul da cidade, onde o casal passaria o fim de semana. Flávia de Souza, de 33 anos, e Marcelo Martins, de 35, estavam apoiados no deck para tirar fotos com a praia ao fundo, quando a estrutura cedeu e eles caíram nas pedras.

O casal foi socorrido e encaminhado ao pronto-socorro do Centro, mas a mulher não resistiu aos ferimentos. O homem já havia recebido alta do hospital neste domingo.

No registro da ocorrência, a polícia constatou que o deck estava danificado. O caso foi registrado inicialmente como morte suspeita e as circunstâncias estão sendo apuradas pela Polícia Civil. Um inquérito será instaurado para apurar homicídio culposo por omissão.

"Estando a piscina situada com vista para o mar, numa área rochosa, a alguns metros de altura no nível da água, guarnecida por guarda corpo de concreto, do tipo encaixe, bem deteriorado pela ação da maresia, eis que algumas partes já estão com as ferragens à mostra, sendo que um dos módulos do guarda corpo estava caído nas pedras", diz trecho.

A grávida morta era professora de educação infantil e esperava segunda filha, que se chamaria Ana Clara. Ela já era mãe de um menino de nove anos.

O corpo de Flávia foi velado e sepultado no domingo (15/12) no Memorial Jardim Santo André, no ABC Paulista.

Outro lado

Por telefone, o advogado dos proprietários do condomínio, Roberto Abrantes, disse que estão em contato com a família das vítimas prestando o apoio necessário e que vão esperar o resultado da perícia para se pronunciar sobre o caso.

16 12 2019 policia s sebastiao deck cedeu 02  16 12 2019 policia s sebastiao deck cedeu 03


an pref 07 05 2020

impacto 94 completo Página 8

an luiz octavio