bn pref crz 24 09 2019    bn face luiz octavio automoveis 01    an camara crz 03 10 2019

 

09 0 2019 policia lorena agressao pmCâmeras de segurança de um posto de combustíveis flagraram agressões de policiais militares contra dois jovens rendidos em Lorena (SP). Segundo a Polícia Civil, os dois eram perseguidos pelos PMs depois de desobedecerem a uma ordem de parada.

O caso foi registrado apenas como direção perigosa, velocidade incompatível e direção sem habilitação. Os dois foram levados para delegacia e liberados. A agressão não consta no boletim. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que apura o caso.

Segundo a Polícia Civil, a abordagem foi na madrugada de quinta-feira (7) em uma ocorrência que começou em Cruzeiro. O boletim de ocorrência foi feito com base na declaração dos policiais militares que participaram da ocorrência. Eles contam que foram acionados por uma PM que suspeitou que estivesse sendo perseguida pela dupla, de 19 e 22 anos.

No histórico consta que, por volta de 1h30, a policial voltava para casa quando percebeu o carro atrás dela e sentiu que era seguida. Ela reduziu a velocidade para que fosse ultrapassada e o veículo passou, mas relatou que o carro dos jovens diminuía a velocidade impedindo que ela passasse, momento em que acionou a polícia.

Já na entrada de Lorena, ela parou em um posto de combustíveis e eles teriam parado o carro ao lado para perguntar sobre o caminho até a rodovia Hamilton Vieira Mendes. Ela então se identificou como Policial Militar, momento em que a dupla arrancou com o carro.

Depois de ter acionado reforço, a polícia começou uma perseguição pela dupla que fugiu do bloqueio feito metros depois da parada com a policial. O momento do vídeo mostra quando os dois entram em um posto de combustíveis que fica na avenida Thomás Alves de Figueiredo, na Vila Hepacaré, em Lorena.

A imagem, que viralizou nas redes sociais, mostra que eles entram com o veículo no posto, seguido pelas viaturas. Assim que param, os dois se entregam e descem do veículo. Um deles se deita no chão e o segundo desce com as mãos na cabeça. Após a rendição, os policiais se aproximam e começam as agressões com tapas, socos e chutes.

Segundo o registro da Polícia Civil, durante a abordagem não foi encontrado nada de ilícito no carro ou com os dois. O veículo estava com os documentos em dia, mas o jovem de 19 anos que conduzia o veículo não tinha habilitação. No histórico, os policiais não fizeram qualquer menção às agressões.

O caso foi registrado como trafegar em velocidade incompatível com a via, desobediência e dirigir sem permissão ou habilitação. Consta que os dois foram ouvidos e liberados e o carro recolhido para o pátio. O jovem de 22 anos não tinha passagem pela polícia e o de 19 anos tinha passagem por tráfico de drogas.

Outro lado

Em nota, a SSP informou que a Polícia Militar analisa as imagens e instaurou inquérito policial militar para apurar os fatos.


an pao quente 02

an byomed