25 06 2020 esportes luxemburgo cirurgiaVanderlei Luxemburgo, técnico do Palmeiras, será submetido a uma cirurgia na vesícula, nesta quinta-feira (25/06), às 7 horas, no Hospital São Luiz. O anúncio foi feito pelo próprio treinador, nesta quarta-feira, em suas redes sociais.

Segundo Luxemburgo, ele teve uma crise na semana passada e sentiu fortes dores na vesícula, precisando se dirigir ao hospital, onde foi determinada a cirurgia, que será feita pelo doutor Alexander Morrell. "Foi na quinta-feira. Foi muito doloroso, sofri bastante. Não é nada demais, vai dar tudo certo e em breve estarei de volta, trabalhando", disse o treinador palmeirense.

A cirurgia para retirar a vesícula biliar, chamada de colecistectomia, é indicada quando são identificadas pedras na vesícula após realização de exames de imagem ou laboratoriais, como o de urina, ou quando há sinais indicativos de vesícula inflamada. Assim, quando é feito o diagnóstico de pedra na vesícula, a cirurgia pode ser programada e normalmente é rápida, durando em média 45 minutos, e necessita apenas um ou dois dias de repouso e com uma recuperação para as atividades normais de uma a duas semanas.

Em novembro, quando está no comando do Vasco, Luxemburgo, de 68 anos, foi diagnosticado com câncer de pele. O treinador removeu três manchas do nariz para realizar uma biópsia, que constatou que uma delas era maligna. Ele passou por uma cirurgia de raspagem para remover o restante do material do nariz.


an paulo bento

an luiz octavio