an luiz octavio        an pref crz jan 2020

14 02 2020 regiao taubate audiencia camara unitauA Câmara de Taubaté vai realizar uma audiência pública para debater projetos que pedem autorização para a venda de imóveis da Unitau (Universidade de Taubaté). De autoria do vereador Douglas Carbonne (PCdoB), o requerimento que pede a realização da audiência foi aprovado por unanimidade na sessão ordinária da última terça-feira.

O texto previa que a audiência fosse realizada na próxima segunda-feira, dia 17. No entanto, o evento deve ser reagendado para o dia 4 de março.

Os projetos foram apresentados pelo prefeito Ortiz Junior (PSDB) a pedido da Unitau, que alega que a medida faz parte da reestruturação administrativa da autarquia.

Um dos textos prevê a venda do prédio que hoje abriga a PRPPG (Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação). Localizado na Rua Visconde do Rio Branco, no Centro, o imóvel tem 1.699,5 metros quadrados de área construída. O prédio também tem uma entrada pela Rua Dr. Souza Alves, que está desativada. Em análise interna, a Unitau avaliou o imóvel em R$ 5,95 milhões. Dois corretores consultados pela universidade apontaram preço médio de R$ 4,723 milhões. O projeto diz que o prédio não poderá ser vendido por menos do que 85% do valor de avaliação interna (R$ 5,05 milhões).

Outro projeto prevê a venda de um imóvel da universidade em Ubatuba. O imóvel é uma casa no bairro do Itaguá, com 342 metros quadrados de área construída, que fica em um terreno de 760 metros quadrados, e que foi avaliado entre R$ 2,5 milhões e R$ 2,6 milhões. Segundo o texto, a receita será usada para investimentos.

Também tramita na Câmara um projeto que autoriza a Unitau a ceder à iniciativa privada, por meio de concessão, dois imóveis na região central de Taubaté: um terreno de 1.800 m² na Praça Monsenhor Silva Barros, que está cedido desde 2003 ao grupo Pão de Açúcar; e a chamada Quadra D, que fica na Praça Félix Guisard, tem 14.354,60 m² e faz parte do complexo da CTI (Companhia Taubaté Industrial).


an pao quente 01

an byomed