an luiz octavio        an pref crz jan 2020

08 10 2019 regiao ursa 01A ursa Xuxa, transferida de uma reserva em Sergipe, foi solta nesta segunda-feira (07/10) no novo lar em um santuário de animais em Joanópolis (SP). No rancho em que está agora, ela tem à disposição um ambiente com caverna privativa, piscina, cama de feno e alimentação adequada.

O local, que fica em uma região de serra, é mais adequado para a espécie, que é natural de regiões frias. O rancho já abriga atualmente Verrú e Mizar, transferidos em agosto de um zoológico no Ceará.

De acordo com o Rancho dos Gnomos, o animal chegou por volta das 3h30 desta segunda e permaneceu por um período dentro de uma cabine para que pudesse ter uma ambientação inicial. Ela teve o primeiro contato com o novo lar por volta de meio-dia.

Xuxa, que aparentemente tem 32 anos e está saudável, vai passar por um processo de introdução a uma nova alimentação. Ela morava na reserva em Laranjeiras (SE) desde 2010, desde quando foi doada por um circo.

Transferência

Inicialmente a transferência que ocorreu no fim de semana seria a do urso Xande e só depois Xuxa seria transferida para o santuário de Joanópolis, porém o animal morreu na última quinta-feira (03/10). O urso tinha 38 anos e, inicialmente, a causa da morte foi apontada por decorrência de um problema cardiorrespiratório.

Com a mudança, Xuxa passou ocupar o mesmo espaço em que vivia Rowena, que ficou conhecida como a ‘Ursa mais triste do Mundo’ durante a transferência, e morreu em julho.


an pao quente 01

an byomed