23 01 2019 regiao doria valeEm Davos, na Suíça, para participar do Fórum Econômico Mundial, o governador João Doria (PSDB) afirmou que buscará capital estrangeiro para tirar do papel projetos para São Paulo, como, por exemplo, a criação do Vale do Silício brasileiro.

O tucano tem intenção de criar uma área que seja equivalente a região da baía de São Francisco, na Califórnia (EUA), onde se concentram empresas de tecnologia de grande porte, como, por exemplo, Google e Facebook.

O governo federal também já falou sobre o projeto, e, segundo o presidente Jair Bolsonaro (PSL) a ideia inicial é que o Vale do Paraíba seja palco dessa implantação, uma vez que a região é um grande polo industrial e tecnológico, além de sede de uma série de empresas.

O governo do Estado, no entanto, ainda não confirma oficialmente que a RMVale será utilizada para este fim. No vídeo, é dito que haverá uma área de 650 mil metros quadrados para criação do Vale do Silício Brasileiro.

APOSTA.

O vídeo é apresentado em inglês e fala do potencial econômico do estado, segunda maior economia da América Latina. Entre os projetos apresentados está a implantação do Trem Intercidades, prometido para o Vale do Paraíba, além da concessão de estradas, aeroportos regionais e exploração de geração de energia em rios.

"[O Fórum] É o epicentro do mundo econômico e produtivo. Momento muito importante do Brasil para atrair novos investimentos, e particularmente para São Paulo. Trouxemos uma apresentação de tudo aquilo que temos de mais importante para investimentos internacionais no nosso estado", afirmou o governador João Doria, que cita a participação de Bolsonaro e dos ministros Paulo Guedes (Economia) e Sergio Moro (Justiça) no evento.

Chamando São Paulo de "Estado Nação", a publicação traz um novo slogan para o governo estadual: "Estamos prontos para negócios.".


an paulo bento

an luiz octavio