an cm crz 11 08 2020.jpg

22 03 2019 regiao mapa florestalA Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente vai fazer um novo levantamento da quantidade de vegetação nativa existente no Estado de São Paulo.

O mapa começou a ser feito nesta quinta-feira (21) --Dia Internacional das Florestas-- e tem como prazo para ser concluído março de 2020.

Até lá, segundo o Instituto Florestal, o estudo apresentará balanços trimestrais com os dados levantados para o documento, chamado de Inventário Florestal da Vegetação Nativa do Estado de São Paulo.

No último mapeamento realizado em 2010, foi apontado que 17,5% do território paulista é coberto por vegetação nativa.

Especializada em soluções de geotecnologia e sistemas de informação geográfica, a empresa Geoambiente, de São José dos Campos, será a responsável pelo novo estudo que custará R$1,4 milhão. O valor será viabilizado com recursos da Câmara de Compensação Ambiental do Estado de São Paulo.

"O Inventário é base para o fortalecimento e planejamento de ações sustentáveis do Governo que garanta ao povo paulista mais qualidade de vida", disse Marcos Penido, secretário estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente.

Ações

O novo mapeamento servirá de base para todas as ações da SIMA de licenciamento, fiscalização, conservação e pesquisa ambiental.

Segundo o governo, os primeiros resultados serão das regiões do Vale do Paraíba, Litoral Norte, Baixada Santista e Região Metropolitana de São Paulo.

O documento apresentará, de acordo com sua importância biológica, os fragmentos de mata para a criação de Unidades de Conservação Integral de áreas prioritárias para a implantação de Reserva Legal ou Reserva Particular de Patrimônio Natural e para restauração --corredores ecológicos--, interligando fragmentos.


11 08 2020 regiao crz numero corona

an paulo bento

an luiz octavio

cartilha detran servicos digitais final at Página 01