an luiz octavio        an pref crz jan 2020

 

22 03 2020 brasil muda vida quarentenaNo sábado (21/03), o governador de São Paulo, João Doria, decretou estado de quarentena por 15 dias em todo o estado. O fato é que a vida de todos precisa ser repensada e readaptada durante este período. Muitos serviços oferecidos hoje, não serão mais a partir de terça-feira, por conta do fechamento de boa parte do comércio, exceto os essenciais.

O que vai fechar

Com o decreto de quarentena, shoppings, lojas de roupas, de cosméticos, brinquedos, bares, etc, não poderão funcionar. Esses serviços deixam de abrir durante o período, ao menos até o dia 7 de abril.

O que continua aberto

Com o decreto, apenas sete tipos de serviços essenciais continuarão a funcionar nesse período: saúde pública e privada, abastecimento, transportes públicos, alimentação, segurança, limpeza e bancos e lotéricas.

Festas e eventos proibidos

Apresentação de shows, música ao vivo, festa, etc, estão proibidas durante a quarentena. Os bailes e fluxos de funk também serão contidos pela Polícia Militar durante o período.

Indústrias

Muitas indústrias seguem em funcionamento, justamente para garantir o abastecimento essencial para a população. Outras fábricas, como montadoras de veículos, suspenderam suas atividades.

Delivery e atendimento on-line

Muitas empresas, não só de alimentação, estão adotando o atendimento on-line e a entrega delivery de seus produtos, o que ajuda a diminuir o contato entre as pessoas e minimiza o risco de contágio. Muitas empresas de setores não-essenciais estão prestando esses serviços e estão autorizados pelo governo.

Comprar o básico

Neste período de quarentena, as pessoas precisam se conscientizar de que é importante respeitar o decreto e ficar em casa. Sair somente para os afazeres essenciais. Ir ao supermercado comprar o que for urgente para a alimentação e, claro, evitar ficar próximo das outras pessoas, como na fila, por exemplo.

Nas farmácias, comprar apenas o que realmente precisar. Lembre-se: não comprem qualquer remédio para supostamente curar o coronavírus. Medicamentos devem ser usados para necessidades específicas.

Sem aglomeração

E, quando sair, vá sozinho. Não levem crianças e nem a família inteira às compras. Não existe nenhuma necessidade. Só vai expor ainda mais gente ao vírus.


an pao quente 01

an byomed