12 09 2019 brasil bolsonaro caminhadaO presidente da República, Jair Bolsonaro, não teve seu quadro clínico alterado na tarde de quarta-feira (11/09). Como informado no boletim médico divulgado pela manhã, em razão de uma “lentificação dos movimentos intestinais e distensão abdominal”, ele passou a ser alimentado de forma endovenosa (pela veia), e está utilizando uma sonda nasogástrica (ligada do nariz ao estômago), para diminuir a pressão no sistema digestivo.

De acordo com a assessoria do Palácio do Planalto, Bolsonaro continua a fazer caminhadas e exercício de fisioterapia. Durante a tarde de quinta-feira (11/09), ele caminhou cerca de 900 metros nos corredores do Hospital Vila Nova Star, na capital paulista, onde foi operado no último domingo (08/09) e está se recuperando.

Bolsonaro deverá reassumir oficialmente a presidência da República na sexta-feira (13/09), ainda no hospital. A previsão de ele voltar à Brasília permanece sendo de sete a dez dias após a operação. 

Com informações da Agência Brasil.